Imprensa


Notícias

RSS
28/09/2011
Em: Press Releases

 EMBRAER É ELEITA A EMPRESA MAIS TRANSPARENTE PELA 3ª VEZ

Empresa consolida mudança para padrão IFRS mantendo alta qualidade das demonstrações financeiras

 

São José dos Campos, 26 de setembro de 2011 – A Embraer foi novamente honrada este ano com Troféu Transparência 2011, concedido pela Anefac – Fipecafi – Serasa Experian. A premiação é um reconhecimento às melhores demonstrações financeiras publicadas no Brasil em 2011. Nesta edição especial do evento de premiação, que completou 15 anos, a Embraer destacou-se por ter ocupado o primeiro lugar em duas das três últimas edições, período que marcou a transição para implementação do novo padrão contábil internacional (IFRS) no País.​

“Ser reconhecida como uma das empresas mais criteriosas e competentes na elaboração das demonstrações financeiras, em especial em um período de transição como aconteceu de 2008 a 2010, é motivo de muito orgulho para todos os profissionais da área financeira da Embraer, que se dedicaram incansavelmente, com ética e perseverança, para que pudéssemos chegar aonde chegamos”, disse Paulo Penido, Vice-Presidente Executivo Financeiro e de Relações com Investidores da Embraer.
Criado em 1997, o objetivo do Prêmio Anefac – Fipecafi – Serasa Experian é incentivar a transparência corporativa no mercado, valorizando o fornecimento de informações claras e de qualidade. O Troféu Transparência é um certificado de idoneidade das empresas vencedoras. Pelo 13º ano consecutivo, a Embraer é uma das dez finalistas do Prêmio, tendo ocupado o topo da lista também em 2001 e 2009.

Na edição comemorativa deste ano, as demonstrações financeiras da Embraer foram analisadas por alunos dos cursos de mestrado e doutorado em Controladoria e Contabilidade da Faculdade de Economia e Administração (FEA) da Universidade de São Paulo (USP). De um total de 477 companhias brasileiras participantes, apenas 78 atenderam aos critérios estabelecidos e as 20 melhores foram eleitas em três categorias: cinco empresas de capital fechado; cinco empresas de capital aberto com faturamento de até R$ 8 bilhões; e dez empresas de capital aberto com faturamento acima de R$ 8 bilhões. Na fase final, uma comissão composta por cinco renomados profissionais da área contábil selecionou a melhor em cada uma das categorias, sendo a Embraer a vencedora do grupo grandes empresas de capital aberto.

A edição 2011 do Prêmio avaliou sete critérios:

(1) Qualidade e grau das informações contidas nas demonstrações e notas explicativas;

(2) Transparência das informações prestadas;

(3) qualidade do relatório da administração e consistência com as informações divulgadas;

(4) aderência aos princípios contábeis;

(5) ressalvas no parecer dos auditores independentes, levando-se em conta suas naturezas;

(6) apresentação da divulgação quanto a layout, legibilidade, concisão, clareza, etc.; e

(7) divulgação de aspectos relevantes não exigidos legalmente, mas importantes para o negócio.

ASSESSORIA DE IMPRENSA

RSS