Imprensa


Notícias

RSS
14/03/2013
Em: Press Releases

 ​Embraer seleciona novos fornecedores para a segunda geração de E-Jets

 

São José dos Campos – Brasil, 14 de março de 2013 – A Embraer S.A. (NYSE: ERJ; BM & FBOVESPA: EMBR3) selecionou a UTC Aerospace Systems, unidade da United Technologies Corp. (NYSE: UTX), para fornecer o sistema de geração e distribuição elétrica da segunda geração de E-Jets, cuja entrada em serviço está prevista para 2018. A empresa fornecerá os geradores elétricos principais e auxiliar; de distribuição elétrica primária e secundária; o sistema de geração elétrica em emergência; baterias e conversores elétricos.

A UTC Aerospace Systems também foi selecionada para prover rodas e freios, por meio de sua unidade de negócios Wheels & Brakes. A empresa fornecerá os freios de carbono e as rodas principais e auxiliares da aeronave.

A Embraer também selecionou a Pratt & Whitney, empresa do grupo United Technologies Corp., para fornecer a Unidade de Potência Auxiliar (APU, na sigla em inglês) AeroPower’s APS2600[E]. A APU fornece à aeronave potência auxiliar na forma de ar de alta pressão para a partida dos motores principais e do ar-condicionado na cabine, além de energia elétrica enquanto o avião está em solo. A APU pode funcionar também como alternativa ao fornecimento de ar pressurizado e energia elétrica durante operações em voo.

A seleção destes sistemas é mais um importante marco no programa que tem previsão de lançamento ainda este ano. A Embraer já selecionou os motores, da Pratt & Whitney, e o sistema integrado de aviônica Primus Epic 2, da Honeywell.

A segunda geração de E-Jets será um passo significativo no compromisso da Embraer de investir continuamente nessa linha de jatos comerciais. Motores de última geração, juntamente com novas asas de aerodinâmica avançada, moderno sistema eletrônico de comandos de voo fly-by-wire, assim como outras evoluções de sistemas, resultarão em melhorias de dois dígitos no consumo de combustível, custos de manutenção, emissões e ruído externo das aeronaves. O objetivo da Embraer é oferecer sempre o melhor produto e manter sua liderança no mercado de 70 a 120 assentos, no qual mais de 900 E-Jets estão em serviço em todo o mundo. Atualmente, 62 clientes de 42 países já operam ou estão prestes a receber os E-Jets da Embraer.

Siga-nos no Twitter: @EmbraerSA

ASSESSORIA DE IMPRENSA

RSS