Imprensa


Notícias

RSS
17/07/2014
Em: Press Releases

 ICBC, da China, assina acordo de compra para até 20 E190-E2

 

Brasília – Distrito Federal, 17 de julho de 2014 – Em cerimônia de assinatura que contou com a presença dos presidentes das duas nações, durante a visita de Estado do Presidente chinês, Xi Jinping, ao Brasil, a Embraer firmou um acordo de venda para até 20 E190-E2 com a ICBC Financial Leasing Co., Ltd. (ICBC Leasing), da China, sendo 10 pedidos firmes e 10 direitos de compra. Os pedidos firmes para as 10 primeiras aeronaves serão incluídos no backlog da Embraer no 3º trimestre de 2014.

O E190-E2 será o primeiro modelo da família de E-Jets E2 a entrar em serviço. O valor do contrato é de USD 1,1 bilhão a preço de lista, caso todos os direitos de compra sejam convertidos em pedidos firmes. As primeiras entregas estão previstas para o início de 2018.

“Ter a ICBC Leasing como arrendador do E2 dá aos nossos potenciais clientes mais uma opção quando pensam em operar estas aeronaves de última geração”, disse Paulo Cesar Silva, Presidente & CEO da Embraer Aviação Comercial. “A ICBC Leasing tem se expandido rapidamente nos últimos anos para se tornar uma das principais empresas de leasing de aeronaves do mundo. O forte apelo dos E-Jets junto às companhias aéreas de todo o mundo foi um fator decisivo para a aquisição dos E2 pela ICBC”.

Estabelecida em 2007 como uma subsidiária integral do Industrial and Commercial Bank of China, um dos maiores bancos do mundo, a ICBC Leasing é proprietária e gerencia uma frota de aproximadamente 380 aeronaves. Em junho de 2012, a ICBC Leasing adquiriu 10 jatos executivos Legacy 650, sendo cinco opções, seguindo um Memorando de Entendimento assinado em abril daquele ano.

“Estamos satisfeitos em fazer parte do programa E-Jets E2 e ampliar ainda mais nossa parceria com a Embraer", disse Cong Lin, CEO da ICBC Leasing. “Adicionar os E-Jets E2 ao nosso portfólio vai diversificar nossos recursos, fortalecer a nossa liderança no mercado de leasing e nos apoiar na expansão do mercado de leasing de aviação regional. Estamos confiantes que esses novos jatos trarão grandes benefícios para os nossos clientes.”

O programa E-Jets E2 reforça o comprometimento da Embraer em investir continuamente na linha de jatos comerciais da Empresa e manter sua estabelecida liderança de mercado no segmento de 70 a 130 assentos. Motores de última geração, em conjunto com novas asas aerodinamicamente avançadas, controles de voo totalmente fly-by-wire e avanços em outros sistemas resultarão em melhorias significativas no consumo de combustível, custos de manutenção, emissões e ruído externo.


Siga-nos no Twitter: @EmbraerSA

ASSESSORIA DE IMPRENSA

RSS