Imprensa


Notícias

RSS
15/07/2014
Em: Press Releases

 Royal Air Maroc seleciona E190 para desenvolvimento estratégico

 

Farnborough, Reino Unido, 15 de julho de 2014 – A Royal Air Maroc, companhia aérea nacional do Marrocos, decidiu introduzir o E190 como parte da estratégia de atualização de sua frota visando abrir novas rotas e aumentar o número de frequências de curta e média distância a partir de sua base no Aeroporto Internacional de Casablanca. A companhia assinou um contrato de arrendamento de quatro E-Jets com a Aldus Aviation, empresa irlandesa especializada na locação de E-Jets. O primeiro E190 está previsto para ser entregue no segundo semestre de 2014.

O E190 da Royal Air Maroc será configurado com 96 assentos em duas classes - 12 de classe executiva e 84 de classe econômica - e será operado em rotas europeias e do Oeste da África, a partir da base da companhia aérea, no Aeroporto Internacional Mohammed V, em Casablanca, Marrocos.

“A posição geográfica estratégica de Marrocos oferece um excelente potencial para o desenvolvimento de ligações aéreas com a Europa e a África. Com o E190, a Royal Air Maroc terá a capacidade e flexibilidade para desenvolver ainda mais a sua rede, com uma combinação ideal de frequência e capacidade de assentos”, disse John Slattery, Diretor Comercial da Embraer Aviação Comercial. “Recebemos a Royal Air Maroc na nossa família de operadores do E190, os quais viram o potencial desta plataforma comprovada e eficiente para reforçar suas redes e complementar suas operações de jatos narrowbody.”

As aeronaves da Royal Air Maroc vão integrar uma frota de cerca de 70 E-Jets que já está em operação na África e no Oriente Médio com a Egyptair Express, Kenya Airways, LAM (de Moçambique), Oman Air, Petro Air, Royal Jordanian, Royal Omani Police, Saudi Arabia Airlines e Saudi Aramco.

“Ao testarmos o avião em sistema de arrendamento durante o verão 2013, nos convencemos de que a confiabilidade e os baixos custos operacionais do E190 vão ajudar a Royal Air Maroc a abrir novas rotas e aumentar frequências para a Europa e cidades africanas”, disse Driss Benhima, CEO da Royal Air Maroc. “A aeronave atende perfeitamente às nossas necessidades em termos de tamanho e alcance, sem comprometer o conforto ou a capacidade de carga.”

“Estamos muito satisfeitos em ter a Royal Air Maroc como novo cliente”, disse Phil Bolger, Presidente da Aldus. "Estas quatro aeronaves são do nosso pedido de 20 E-Jets e esperamos uma longa e frutífera relação com esta importante companhia aérea africana.”


Siga-nos no Twitter: @EmbraerSA 


Sobre a Royal Air Maroc

Royal Air Maroc, mais comumente conhecida simplesmente como RAM, é a companhia aérea nacional do Marrocos e tem a sua sede no Aeroporto de Casablanca-Anfa. De sua base no Aeroporto Internacional Mohammed V, a companhia aérea possui 43 aeronaves que operam na rede doméstica do Marrocos, em voos internacionais regulares pela África, Ásia, Europa, América do Norte e América do Sul, e voos charter ocasionais, que incluem serviços de Hajj (peregrinação a Meca).

ASSESSORIA DE IMPRENSA

RSS